Empresário afirma ter sido agredido pelo atacante Juninho durante evento

Confusão teria começado depois que outros participantes da festa reclamaram de atitude do atleta.

Nesta quarta-feira (30), o empresário Jaylton Pinto registrou um boletim de ocorrência contra o jogador de futebol Juninho, atacante que já jogou no Sport e está atualmente no FC Arda Kardzhali, da Bulgária. O atleta é acusado de ter agredido o empresário durante um evento no Jockey Club, na cidade de Amarante (PI). As informações são do GE.

De acordo com Jaylton, ele foi agredido pelo jogador com clubes, socos, além de ter sido “pego pelo pescoço”. O atleta negou as acusações.

Foto: Arquivo PessoalEmpresário afirma ter sido agredido por jogador durante festa.
Empresário afirma ter sido agredido por jogador durante festa.

A agressão teria ocorrido na madrugada de segunda-feira (28), durante um evento que estava sendo organizado por Jaylton. Em determinado momento da festa, algumas pessoas presentes no local reclamaram do comportamento de Juninho, que estaria jogando cerveja para o alto e atingindo os outros participantes. Ao chamar a atenção do jogador, o empresário foi agredido.

“As pessoas procuraram o segurança e na segunda vez resolveram me procurar. Fui lá, educadamente, dizer que [ele] estava irritando e pediria para ele ser retirado, se continuasse. Ele [Juninho] foi comprar umas cervejas, nem bebeu todas e começou a jogar para cima. Então, pedi para ele se retirar, e ele começou a me agredir. Largou a latinha da mão, pegou no meu pescoço, me empurrou e partiu para agressão”, contou o empresário.

Além de Jaylton, o pai e a cunhada do empresário também foram atingidos pelas agressões ao tentarem acabar com a confusão.

“O colega dele [do atacante] estava do lado e também partiu para cima de mim. O meu sogro veio separar e começaram a bater nele também. Ele já é um senhor de idade, caiu no chão e a única coisa que ele conseguiu fazer foi proteger a cabeça e os outros batendo nele. Nisso chegou a minha cunhada para separar, ela caiu e acabaram pisando nela”, completou Jaylton.

Foto: Arquivo PessoalBO
Boletim de ocorrência foi registrado pelo empresário Jaylton Pinto.

Ainda segundo com o empresário, ele precisou se esconder, pois estava recebendo ameaças por conta da briga.

O delegado Otony Neto, da Polícia Civil de Amarante, relatou que o empresário realizou um exame de corpo e delito e, de acordo com o laudo, a agressão física foi confirmada. Com isso, um Termo Circunstanciado de Ocorrência para crimes de menor potencial lesivo será feito e o jogador será chamado para ir até a delegacia prestar esclarecimentos. Ainda não há previsão de data para isso acontecer.

“Encaminhamos a vítima para fazer exame de corpo e delito, que resultou positivo para agressão física e já fizemos o levantamento de testemunhas. O suspeito é o jogador que estava em uma festa em Amarante e teria agredido a vítima, que é o organizador da festa com soco”, declarou o delegado.

Jogador nega os fatos

O atacante Juninho se pronunciou de forma breve sobre o caso, negando a agressão. De acordo com o jogador, “tudo é mentira” e a agressão foi feita por pessoas que estavam próximas a ele.

“Como eu sou uma pessoa pública colocou isso contra mim. Não falo mais sobre esse assunto”, disse o jogador ao GE.

Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco PressAtacante Juninho, na época em que ainda jogava pelo Sport.
Atacante Juninho, na época em que ainda jogava pelo Sport.

Divulgue seu negócio e venha fazer sucesso junto com o Rota343. Clique aqui e entre em contato conosco!

Gostou? Compartilhe!