Projeto para feira virtual de robótica é apresentado para escolas do PI

O evento é resultado de um projeto que leva oficinas de robótica para 21 escolas estaduais.

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) realizou, na noite da última terça-feira (6), a I Feira Virtual de Robótica. O evento é resultado de um projeto que leva oficinas de robótica para 21 escolas estaduais e tem o objetivo de levar o conhecimento de eletrônica, programação e robótica para alunos de escolas públicas.

O professor organizador, Ranildo Lopes, explica que o projeto encontra-se no final do 1º módulo, onde 21 professores de várias regiões do Piauí levam oficinas de robótica às escolas, em funcionamento de forma remota.

“Já são mais de 30 projetos de robótica que apresentamos de forma virtual para as escolas, Seduc e o Centro de Formação Antonino Freire (CEFAF) na live da I Feira Virtual de Robótica. Contamos também com a parceria da startup Fábrica de Gênios e esperamos realizar a segunda edição do evento, com projetos mais avançados, ainda em 2020”, relata.

Edson Silva, professor da Unidade Escolar João Leal, de Nazaré do Piauí, revela que viu com o projeto uma ótima oportunidade para aprender e replicar a robótica.

“A robótica traz uma experiência mais rica para o aprendizado e de aproximar o estudante da tecnologia não só como usuário, mas sim como desenvolvedor”, afirma o professor que levou o projeto de um sensor de umidade para verificação do solo.

Muitos professores, por não residirem em Teresina, tiveram a oportunidade de participar do projeto e do curso de forma remota, como os dos municípios de Cabeceiras do Piauí, Nazaré do Piauí, Picos, Floriano, Paulistana e Teresina. Esse é o caso da professora Valéria Alves, do CETI Lucinete, de Paulistana. “O curso de Robótica foi muito bom principalmente para quem trabalha em sala de aula com o componente eletivo Robótica. Eu não teria a possibilidade de cursar se o mesmo não fosse ofertado remotamente”, esclarece a professora que levou como projeto um teclado musical inteligente.

A iniciativa visa inserir projetos práticos de automação e robores e ao mesmo tempo práticas de linguagem de programação para robótica. Estão sendo atendidos alunos do 1º e do 2º ano do Ensino Médio de tempo integral e ensino regular. Por causa da pandemia, o cronograma foi remodelado e encontra-se na fase de apresentação de projetos, onde as escolas poderão analisar e escolher o que melhor se adeque ao currículo escolar e então aplicá-lo.

O superintendente de Ensino da Seduc, Carlos Alberto Pereira, afirma que a robótica é muito importante para o processo ensino aprendizagem, sendo hoje uma realidade na escola pública. 

“Essa semente já foi plantada e a Seduc incentiva e parabeniza com entusiasmo os professores e todos que fazem o projeto. Existe uma perspectiva boa e expansão do mesmo e já buscamos kits de robótica para escolas de outras regiões do Piauí. É fundamental dar ao aluno o conhecimento para que ele seja um empreendedor e por isso pretendemos que todas as escolas vejam a Feira e apliquem o conceito, que tem tudo pra ficar e ajudar a manter o aluno na escola, que o mesmo a veja com outros olhos”, finaliza o superintende.

Divulgue seu negócio e venha fazer sucesso junto com o Rota343. Clique aqui e entre em contato conosco!

Gostou? Compartilhe!