Prefeito de Amarante é alvo de operação do Gaeco

Diego Teixeira é suspeito de integrar esquema para desviar recursos da educação e infraestrutura.

Na manhã desta quarta-feira (09), o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), do Ministério Público do Piauí (MP-PI), cumpriu mandados de busca e apreensão na casa de Diego Teixeira (PP), prefeito do município de Amarante (PI). Ele está sendo investigado, suspeito de participar de um esquema para desviar recursos públicos da educação e infraestrutura.

Ao G1, a assessoria do prefeito informou que o gestor se surpreendeu com a operação e que Diego Teixeira está totalmente disposto a colaborar com as investigações, que “mostrarão que as denúncias são inconsistentes”.

Segundo o Ministério Público, foram expedidos 13 mandados de busca e apreensão para serem cumpridos, sendo quatro em Amarante, sete em Teresina, um em Valença do Piauí e um em Campo Maior.

Em Amarante, além do mandado cumprido na casa do prefeito, foram realizadas buscas na casa do secretário de Finanças, em uma construtora e na casa do proprietário desta empresa.

As ações fazem parte da Operação Cartão Vermelho, realizada pelo MP-PI em parceria com o Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) e as polícias Civil e Militar.

Saiba mais sobre:

Divulgue seu negócio e venha fazer sucesso junto com o Rota343. Clique aqui e entre em contato conosco!

Gostou? Compartilhe!