Por causa da Covid-19, morre o ator Eduardo Galvão, aos 58 anos

Eduardo chegou ao hospital com 50% dos pulmões comprometidos por causa do coronavírus.

Morreu, na noite desta segunda-feira, o ator Eduardo Galvão, de 58 anos. Ele estava internado no Hospital Unimed Rio, com Covid-19. A morte do artista foi confirmada pela família por volta da meia-noite. As informações são do G1.

Eduardo chegou ao hospital com 50% dos pulmões comprometidos por causa do coronavírus. Ele teve complicações em decorrência da doença e, desde o dia 1º de dezembro, estava entubado, na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Há cerca de duas semanas, o artista havia enviado uma mensagem para o ator Stepan Nercessian, falando a respeito da Covid-19. Na mensagem, ele alertou o colega de profissão:

“Muito ruim isso, cara. Se liga aí, Stepan. Sai de casa não, cara. Fica ligado aí. E o medo que dá, cara. Tu não sabe se vem coisa pior. Se vai melhorar, se não vai.”

Foto: Divulgação/Lucas Teixeira/RT FotografiaAtor Eduardo Galvão morre aos 58 anos, vítima da Covid-19.
Ator Eduardo Galvão morre aos 58 anos, vítima da Covid-19.

Carreira

Eduardo Galvão ficou conhecido por participar de diversas novelas na TV Globo, além de fazer trabalos na Record, Band, GNT e HBO. Entre suas atuações mais famosas, estão os papéis nas novelas Salvador da Pátria", "A Viagem", "O Clone", "Despedida de Solteiro", "Paraíso Tropical", "Porto dos Milagres", “Malhação”, “Apocalipse”, “Dance Dance Dance”. Além disso, ele participou de “Chiquinha Gonzaga”, “Os Normais”, “Casseta & Planeta, Urgente!”, e fez trabalhos como a série infantil “Caça Talentos”.

Na TV, seu último trabalho foi em 2019, em “Bom Sucesso”.

Saiba mais sobre:

Divulgue seu negócio e venha fazer sucesso junto com o Rota343. Clique aqui e entre em contato conosco!

Gostou? Compartilhe!