Justiça determina que Governo do Piauí reative leitos de UTI para Covid-19

Atualmente o estado conta com 252 leitos de UTI para atender infectados da pandemia.

A Justiça do Piauí determinou a instalação de novos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) para pacientes da Covid-19 no estado. A decisão aconteceu após um pedido do Ministério Público do Piauí (MP-PI).

Atualmente o estado conta com 252 leitos de UTI para atender infectados da pandemia. Com a decisão, o Piauí deve voltar a ter 335 leitos.

Em entrevista ao G1, o secretário estadual de Saúde, Florentino Neto, comentou sobre o número de leitos no estado.

“Quando comparamos o número de leitos de UTI públicos que temos no Piauí, temos 211 leitos nos hospitais estaduais. Quando nós olhamos para o nosso relatório diário, o maior número de leitos que tivemos no ano passado foi no dia 5 de agosto de 2020, quando tínhamos 200 leitos. Dessa forma, é fácil concluir que há mais leitos à disposição de terapia intensiva para pacientes com Covid-19”, comentou.

Para o juiz Aderson Antônio Brito, o Governo do Piauí não tem conseguido controlar a pandemia somente com as medidas de restrição.

“É dever do Estado, diante do pânico instalado na população, adotar todas as medidas necessárias para disponibilizar a população um sistema de saúde apropriado para enfrentamento da pandemia”, informou o magistrado.

Um dos motivos para a redução do número de leitos de UTI é que, em 2020, parte dos leitos ficavam em hospitais particulares, que os alugavam para o Governo. Em 2021, as autoridades afirmam ter dificuldades para alugar os leitos novamente. Quando o estado esteve com o maior número de leitos, 30 deles eram em hospitais particulares.

Saiba mais sobre:

Divulgue seu negócio e venha fazer sucesso junto com o Rota343. Clique aqui e entre em contato conosco!

Gostou? Compartilhe!