Adolescente de 13 anos engravida após ser estuprada pelo padrinho

Suspeito ofereceu dinheiro e ameaçou a vítima para que ela não contasse sobre o crime.

Uma adolescente de 13 anos engravidou depois de ser estuprada pelo padrinho, em Teresina (PI). O suspeito do crime oferenceu R$ 250 para a vítima não contar sobre o crime, além de ameaçá-la de morte. O caso foi denunciado ao Conselho Tutelar na última terça-feira (19).

De acordo com o G1, a Polícia Civil informou que as investigações são protegidas por segredo de Justiça. O conselheiro tutelar Ivan Cabral contou ao portal de notícias que a adolescente teria sofrido o abuso sexual na casa do suspeito.

No dia 5 de janeiro, a adolescente e a mãe foram até uma maternidade da capital, onde uma ultrassom foi realizada. Na ocasião, o exame confirmou que a menina estava grávida de 21 semanas.

Na segunda-feira (18), a família da vítima procurou a delegacia e registrou um boletim de ocorrência a respeito do crime. A vítima foi encaminhada para o Serviço de Atendimento à Mulher Vítima de Violência Sexual (Samvis). Outro exame foi realizado, comprovando a gravidez, de 23 semanas.

"A unidade de saúde que fez o primeiro exame não informou o caso ao Conselho Tutelar ou polícia, o que é uma obrigação garantida por lei. Só recebemos o comunicado agora, após a menina dar entrada na Maternidade Dona Evangelina Rosa já com 23 semanas", disse o conselheiro.

O suspeito do estupro não foi localizado pela polícia. Depois de tomar conhecimento do caso, o Conselho Tutelar acionou o Ministério Público e a Vara da Infância e Juventude de Teresina.

Divulgue seu negócio e venha fazer sucesso junto com o Rota343. Clique aqui e entre em contato conosco!

Gostou? Compartilhe!