Acordo com a Equatorial busca desconto para famílias da zona rural do Piauí

Têm direito a um desconto de 24%, os agricultores familiares que possuam domicílio rural.

A Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF) e a empresa Equatorial Piauí firmaram, na tarde desta quinta-feira (22), o acordo de cooperação técnica para realizar a busca ativa de beneficiários comprovadamente do meio rural a fim de dar cumprimento à Tarifa Rural. Têm direito a um desconto de 24%, os agricultores familiares que possuam domicílio rural. A solenidade de assinatura foi realizada no auditório da Equatorial e contou com a presença da secretária de Agricultura Familiar, Patrícia Vasconcelos Lima, do presidente da Equatorial, Maurício Velloso, do executivo de Faturamento, Adaildo Andrade e do advogado Danilo Nogueira.

A secretária da Agricultura Familiar, Patrícia Vasconcelos, ressalta que o acordo visa atingir o maior número de agricultores que tenham acesso à tarifa rural no estado que têm o direito, mas não recorrem ao benefício. Num trabalho conjunto, SAF, Emater e Fetag-PI realizarão uma busca ativa por aqueles que têm direito à tarifa de energia subsidiada. Estão aptas as famílias que possuem Declaração de Aptidão Rural (DAP) e que terão acesso à Tarifa Rural em até 24% de desconto.

“Neste momento de pandemia, as famílias passam por várias dificuldades, principalmente a crise econômica por causa da difícil comercialização de produtos. Esta ação de enfrentamento que envolve a SAF – por meio da Superintendência da Agricultura Familiar – e parceiros, contribui para melhorar o orçamento das famílias que vivem no campo”, justifica a gestora. Segundo ela, 390 mil famílias têm o perfil para obter o desconto, mas apenas 111 mil usufruem do benefício da tarifa rural, que é diferente da tarifa social.

Foto: Governo do PiauíAcordo com a Equatorial.

“Nosso objetivo é encontrar estas famílias e, com apoio de parceiros como Fetag-PI e Emater, concluir com êxito esta ação tão importante que vai dar a oportunidade de economizar nos gastos com as despesas de casa. É uma redução de 24% na conta de energia elétrica, permitindo que os agricultores e agricultoras vivam com mais dignidade e continuem contribuindo para o desenvolvimento da agricultura familiar no estado”, concluiu a secretária.

O presidente da Equatorial Piauí, Maurício Velloso, falou da parceria com a SAF e do benefício que esse acordo vai trazer para os agricultores do Piauí. “Esse é um momento muito especial tanto para a Equatorial como para o Governo do Estado do Piauí, através da Secretaria de Agricultura Familiar. Mas principalmente, para os agricultores e agricultoras do Piauí, que serão beneficiados”, disse.

Divulgue seu negócio e venha fazer sucesso junto com o Rota343. Clique aqui e entre em contato conosco!

Gostou? Compartilhe!