Arquivo Pessoal

José Paraguassú

Escritor, músico, compositor, poeta e membro da ALBEARTES - Academia de Letras e Belas Artes de Floriano e Vale do Parnaíba, repórter correspondente do Jornal SP em Notícias e membro da ABRAMUS Associação Brasileira de Música e Artes.

Despedida

Vendi tudo que eu tinha
Um jumento, uma cabra e as galinhas
Estou despedindo-me da terrinha
Rumo ao Distrito Federal

Não para ser candango
Mas para aprimorar o intelectual
Aqui vou deixar o que já aprendi, os amores que vivi, os amigos com os quais convivi
E serão sempre importantes para mim

Não vou esquecer nenhum detalhe
Lembrarei dos lugares, das aventuras que curti
Não sei se voltarei
Mas as sementes que eu plantei, espero ver florir

Mesmo que eu não esteja aqui, alguém vai refletir
Que eu quis ajudar a construir um mundo de paz e amor
No qual a dor seja amparada pelo amor
A tristeza seja cantada com alegria

Que tudo se transforme em poesia
E, quando um dia alguém de mim se lembrar
Ligue-me e conte as novidades de cá

JOSÉ PARAGUASSÚ

Confira outros artigos do blog José Paraguassú

Os blogueiros são responsáveis pelos seus próprios textos, a linha partidária e linguística do autor não condiz necessariamente com a do portal Rota343. Cada colunista tem liberdade para escrever, respeitando os direitos, deveres e regras de cordialidade exigidas pela empresa.

Gostou? Compartilhe!